Home Home

Impedanciometria

Emissões otoacústicas (teste da orelhinha)

emissões otoacústicas (teste da orelhinha)

Audiometria Tonal Limiar

A Audiometria é um exame indolor e subjetivo (depende da participação do paciente). Tem um papel chave no diagnóstico, localizando e identificando o distúrbio, quantificando o grau de perda auditiva e servindo, ainda, como referencial para outros testes diagnósticos e diversos planejamentos terapêuticos. A Audiometria Tonal Limiar é um exame de determinação dos Limiares Auditivos. Este teste é realizado em cabina acústica com a utilização de tons puros para obter limiares da sensação auditiva. É indicada para indivíduos com queixa de dificuldade de audição, ouvido tampado, zumbido, dor de ouvido, incômodo com o som alto e como prevenção em casos de trabalho em ambiente ruidoso.

Audiometria Infantil

AUDIOMETRIA COMPORTAMENTAL

Para o desenvolvimento da fala e da linguagem da criança o papel da audição é fundamental. Estudos comprovam que a detecção de alterações auditivas e a intervenção iniciada até os 6 meses de idade, garantem um desenvolvimento comparável com crianças normais, de mesma faixa etária que não tiveram nenhuma alteração auditiva. Daí a importância da detecção e intervenção ainda nos primeiros meses de vida!

Esse tipo de audiometria como o próprio nome já diz, avalia o comportamento da criança frente ao estimulo auditivo. É usado para crianças de 0 a 2 anos de idade ou crianças com outros comprometimentos associados.

AUDIOMETRIA INFANTIL CONDICIONADA

Para o desenvolvimento da fala e da linguagem da criança o papel da audição é fundamental. Estudos comprovam que a detecção de alterações auditivas e a intervenção iniciada até os 6 meses de idade, garantem um desenvolvimento comparável com crianças normais, de mesma faixa etária que não tiveram nenhuma alteração auditiva. Daí a importância da detecção e intervenção ainda nos primeiros meses de vida.

Audiometria Vocal

Através da Audiometria Vocal verifica-se a resposta obtida na Audiometria Tonal Limiar se está realmente correta, descartando a possibilidade de Simulação de Resposta por parte do paciente.
Este procedimento, que mede a discriminação auditiva de palavras, pode auxiliar na seleção, avaliação e adaptação de próteses auditivas e, ainda, avaliar a eficácia de diferentes tipos de tratamento clínico e cirúrgico.

Previous
Próximo